12 de jan de 2012

Importante definir.


''Sincero não é o que conta tudo, mas o que sabe discernir o que é importante contar.'


Carpinejar sempre pensando por mim.

~Sinceridade~ 
Essa palavra me persegue!
Deva ser por eu ter crescido rodeada de gente que falava uma coisa e fazia outra. Eu me indignava vendo as pessoas agindo de um jeito com uma pessoa, sendo outra. 
É MESMO importante agir por reflexo? Tratar alguém pelo jeito que é tratado? Não estou falando de educação, to falando de reciprocidade. Eu não tenho que ser hipócrita porque a hipocrisia quer falar comigo. Eu não tenho que ser fresca só porque a frescura quer dormir aqui em casa. Eu não tenho que ser sonsa se a 'soncera' não larga do meu pé. Se fosse assim eu seria tão corrupta quanto os meus candidatos políticos.

Taí, eu sempre estudei as pessoas mas sempre exigi mais do meu espelho. 
Descobri, sozinha, que só o importa é ser sincera comigo mesma. Quero fazer, faço. Quero comer, COMO! Quero pagar migo, pago. Quero falar, falo. 
É lógico que eu não fui criada para magoar as pessoas. Nem para  empurrar minhas opiniões goela a dentro. Se minha sinceridade for prejudicial, que eu seja a única atingida. Daí vem o termo: ''Sincericídio''. 

Não consigo controlar algumas atitudes e às vezes sinto vergonha de ser tão idiota. Tanta gente rindo de mim... (Mas que mal tem nisso?! Deixa rir! Olha que delicia ver todo mundo da mesa dando gargalhadas. ) 


Minhas fraquezas vivem expostas pra quem quiser percebê-las. Também não sou um poço de inocência. ''Pera lá'' eu sei me defender, né!
É importante contar algumas coisas. Eu me conto todos os dias..que antes de contar o que você quer ouvir, eu vou dizer o que eu acho importante falar.
Se importa? 



0 comentários:

Postar um comentário

Muito bom saber sua opinião, obrigada.

 

Jesuéllem Cardoso Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei