30 de jun de 2010

O Racismo segundo Danilo Gentili

3 comentários Links para esta postagem
Eis o perigo de mexer com pessoas inteligentes.
Danilo Gentili (CQC) e sua resposta :
 
humorista Danilo Gentili postou a seguinte piada no seu twitter:
"King Kong, um macaco que, depois que vai para a cidade e fica famoso, pega uma loira. Quem ele acha que é? Jogador de futebol?"
 
A ONG Afrobras se posicionou contra: "Nos próximos dias devemos fazer uma carta de repúdio. Estamos avaliando ainda uma representação criminal", diz José Vicente, presidente da ONG. "Isso foi indevido, inoportuno, de mau gosto e desrespeitoso. Desrespeitou todos os negros brasileiros e também a democracia. Democracia é você agir com responsabilidade" , avalia Vicente.
Alguns minutos após escrever seu primeiro "twitter" sobre King Kong, Gentili se justificou no microblog: "Alguém pode me dar uma explicação razoável por que posso chamar gay de veado, gordo de baleia, branco de lagartixa, mas nunca um negro de macaco?" (GENIAL) "Na piada do King Kong, não disse a cor do jogador. Disse que a loira saiu com o cara porque é famoso. A cabeça de vocês é que têm preconceito. "
 
Mas, calma! Essa não foi a tal resposta genial que está no título, e sim ESTA:
 
"Se você me disser que é da raça negra, preciso dizer que você também é racista, pois, assim como os criadores de cachorros, acredita que somos separados por raças. E se acredita nisso vai ter que confessar que uma raça é melhor ou pior que a outra, pois, se todas as raças são iguais, então a divisão por raça é estúpida e desnecessária. Pra que perder tempo separando algo se no fundo dá tudo no mesmo?
Quem propagou a ideia que "negro" é uma raça foram os escravagistas. Eles usaram isso como desculpa para vender os pretos como escravos: "Podemos tratá-los como animais, afinal eles são de uma outra raça que não é a nossa. Eles são da raça negra".
Então quando vejo um cara dizendo que tem orgulho de ser da raça negra, eu juro que nem me passa pela cabeça chamá-lo de macaco, mas sim de burro.
Falando em burro, cresci ouvindo que eu sou uma girafa. E também cresci chamando um dos meus melhores amigos de elefante. Já ouvi muita gente chamar loira caucasiana de burra, gay de veado e ruivo de salsicha, que nada mais é do que ser chamado de restos de porco e boi misturados.
Mas se alguém chama um preto de macaco é crucificado. E isso pra mim não faz sentido. Qual o preconceito com o macaco? Imagina no zoológico como o macaco não deve se sentir triste quando ouve os outros animais comentando:
- O macaco é o pior de todos. Quando um humano se xinga de burro ou elefante dão risada. Mas quando xingam de macaco vão presos. Ser macaco é uma coisa terrível. Graças a Deus não somos macacos.
Prefiro ser chamado de macaco a ser chamado de girafa. Peça a um cientista que faça um teste de Q.I. com uma girafa e com um macaco. Veja quem tira a maior nota.
Quando queremos muito ofender e atacar alguém, por motivos desconhecidos, não xingamos diretamente a pessoa, e sim a mãe dela. Posso afirmar aqui então que Darwin foi o maior racista da história por dizer que eu vim do macaco?
Mas o que quero dizer é que na verdade não sei qual o problema em chamar um preto de preto. Esse é o nome da cor não é? Eu sou um ser humano da cor branca. O japonês da cor amarela. O índio da cor vermelha. O africano da cor preta. Se querem igualdade deveriam assumir o termo "preto" pois esse é o nome da cor. Não fica destoante isso: "Branco, Amarelo, Vermelho, Negro"?. O Darth Vader pra mim é negro. Mas o Bill Cosby, Richard Pryor e Eddie Murphy que inspiram meu trabalho, não. Mas se gostam tanto assim do termo negro, ok, eu uso, não vejo problemas. No fim das contas, é só uma palavra. E embora o dicionário seja um dos livros mais vendidos do mundo, penso que palavras não definem muitas coisas e sim atitudes.
Digo isso porque a patrulha do politicamente correto é tão imbecil e superficial que tenho absoluta certeza que serei censurado se um dia escutarem eu dizer: "E aí seu PRETO, senta aqui e toma uma comigo!". Porém, se eu usar o tom correto e a postura certa ao dizer "Desculpe meu querido, mas já que é um afro-descendente, é melhor evitar sentar aqui. Mas eu arrumo uma outra mesa muito mais bonita pra você!" Sei que receberei elogios dessas mesmas pessoas; afinal eu usei os termos politicamente corretos e não a palavra "preto" ou "macaco", que são palavras tão horríveis.
Os politicamente corretos acham que são como o Superman, o cara dotado de dons superiores, que vai defender os fracos, oprimidos e impotentes. E acredite: isso é racismo, pois transmite a ideia de superioridade que essas pessoas sentem de si em relação aos seus "defendidos" .
Agora peço que não sejam racistas comigo, por favor. Não é só porque eu sou branco que eu escravizei um preto. Eu juro que nunca fiz nada parecido com isso, nem mesmo em pensamento. Não tenham esse preconceito comigo. Na verdade, sou ítalo-descendente. Italianos não escravizaram africanos no Brasil. Vieram pra cá e, assim como os pretos, trabalharam na lavoura. A diferença é que Escrava Isaura fez mais sucesso que Terra Nostra.
Ok. O que acabei de dizer foi uma piada de mau gosto porque eu não disse nela como os pretos sofreram mais que os italianos. Ok. Eu sei que os negros sofreram mais que qualquer “raça” no Brasil. Foram chicoteados. Torturados. Foi algo tão desumano que só um ser humano seria capaz de fazer igual. Brancos caçaram “negros” como animais. Mas também os compraram de outros “negros”. Sim. Ser dono de escravo nunca foi privilégio caucasiano, e sim da sociedade dominante. Na África, uma tribo vencedora escravizava a outra e as vendia para os brancos sujos.
Lembra que eu disse que era ítalo-descendente? Então. Os italianos podem nunca ter escravizados os pretos, mas os romanos escravizaram os judeus. E eles já se vingaram de mim com juros e correção monetária, pois já fui escravo durante anos de um carnê das Casas Bahia.
Se é engraçado piada de gay e gordo, por que não é a de preto? Porque foram escravos no passado hoje são café-com-leite no mundo do humor? É isso? Eu posso fazer a piada com gay só porque seus ancestrais nunca foram escravos? Pense bem, talvez o gay na infância também tenha sofrido abusos de alguém mais velho com o chicote.
Se você acha que vai impor respeito me obrigando a usar o termo "negro" ou "afro-descendente" , tudo bem, eu posso fazer isso só pra agradar. Na minha cabeça, você será apenas preto e eu, branco, da mesma raça - a raça humana. E você nunca me verá por aí com uma camiseta escrita "100% humano", pois não tenho orgulho nenhum de ser dessa raça que discute coisas idiotas de uma forma superficial e discrimina o próprio irmão."

29 de jun de 2010

Aos Meus Heróis - Julinho Marassi & Gutemberg

1 comentários Links para esta postagem
OUÇA A MÚSICA
Faz muito tempo que eu não escrevo nada,
Acho que foi porque a TV ficou ligada
Me esqueci que devo achar uma saída
E usar palavras pra mudar a sua vida.
Quero fazer uma canção mais delicada,
Sem criticar, sem agredir, sem dar pancada,

Mas não consigo concordar com esse sistema
E quero abrir sua cabeça pro meu tema
Que fique claro, a juventude não tem culpa.
É o eletronic fundindo a sua cuca.
Eu também gosto de dançar o pancadão,
Mas é saudável te dar outra opção.
Os meus heróis estão calados nessa hora,
Pois já fizeram e escreveram a sua história.
Devagarinho vou achando meu espaço
E não me esqueço das riquezas do passado.
Eu quero “a benção” de Vinícius de Morais,
O Belchior cantando “como nossos pais”,
E “se eu quiser falar com...” Gil sobre o Flamengo,
“O que será” que o nosso Chico tá escrevendo.
Aquelas “rosas” já “não falam” de Cartola
E do Cazuza “te pegando na escola”.
To com saudades de Jobim com seu piano,
Do Fábio Jr. Com seus “20 e poucos anos”.
Se o Renato teve seu “tempo perdido”,
O Rei Roberto “outra vez” o mais querido.
A “agonia” do Oswaldo Montenegro
Ao ver que a porta já não tem mais nem segredos.
Ter tido a “sorte” de escutar o Taiguara
E “Madalena” de Ivan Lins, beleza rara.
Ver a “morena tropicana” do Alceu,
Marisa Monte me dizendo ”beija eu”
Beija eu, Beija eu Deixa que eu seja eu
Beija eu, beija eu deixa qe eu seja eu
O Zé Rodrigues em sua “casa no campo”
Levou Geraldo pra cantar no “dia branco”.
No “chão de giz” do Zé Ramalho eu escrevi
Eu vi Lulu, Benjor, Tim Maia e Rita Lee.
Pedir ao Beto um novo “sol de primavera”,
Ver o Toquinho retocando a “aquarela”,
Ouvir o Milton “lá no clube da esquina”
Cantando ao lado da rainha Elis Regina.
Quero “sem lenço e documento” o Caetano
O Djavan mostrando a cor do “oceano”.
Vou “caminhando e cantando” com o Vandré
E a outra vida, Gonzaguinha, “o que é?”
Atenção DJ faça a sua parte,
Não copie os outros, seja mais “smart”.
Na rádio ou na pista mude a seqüência,
Mexa com as pessoas e com a consciência.
Se você não toca letra inteligente
Fica dominada, limitada a mente.
Faça refletir DJ, não se esqueça,
Mexa o popozão, mas também a cabeça.


24 de jun de 2010

Meu certo alguém

1 comentários Links para esta postagem

Quando um certo alguém cruzou o meu caminho e mudou a direção trouxe com ele toda força de amor que havia dentro de mim.
Me tomou do marasmo do falso amor e me vez viver uma história que só existia em meus pensamentos.
Quando um certo alguém despertou meu sentimento achei melhor não resistir e me entreguei..
Foi te fato minha melhor escolha, meu maior palpite e minha maior realização.
Pude, então, aprender que AMAR vai muito além do que ter alguém o tempo todo do seu lado, apenas de fachada.
Certo alguém me mostrou o caminho do amor verdadeiro. Um caminho que para muitos é reto, largo e com alguns pedregulhos. Então lhe apresentei um outro caminho. O caminho certo, estreito, cheio de empecilhos e montanhas mas que leva à eternidade. E tive absoluta certeza de que andando juntos, EU e ELE, no caminho da verdade, muito mais amor nos foi acrescentado.
Certo alguém invadiu meu coração e agora eu não tenho motivos para deixá-lo partir, já que o meu amor é bem maior que eu...


Certo alguém, único, vem me dê a mão, vem estrelar meus dias ainda mais, surgirão muitas outras complicações, mas são todas fáceis de se entender e  resolver. Vamos dançar, resplandecer isso que há dentro de nós. Nosso amor é inspiração para tudo o que vier.




Yann,
Feliz UM ano e NOVE meses de namoro.
Eu amo, muito, você.

23 de jun de 2010

Copa pra quem topa

0 comentários Links para esta postagem
A Copa do Mundo está aí. Colorindo o Brasil e os brasileiros de verde e amarelo, unindo torcedores de times rivais e aflorando sentimentos patriotas que só aparecem de quatro em quatro anos.
Eu estou animada sim ! Só não estou demonstrando isso. Acho que trabalhar está me tirando um pouco a euforia de festas como essa. Não porque eu quero, mas pelo cansaço e falta de tempo. Nem camisa da seleção eu comprei ainda.
Se bem que a própria seleção está desanimando os brasileiros.
O Dunga, que de anão não tem nada e de 'pequeno' só tem o humor, está amornando os torcedores com sua antipatia. Não que eu seja uma excelente crítica esportista, mas isso, qualquer pessoa que assiste aos noticiários percebe. Percebe tanto que até deixam de lado os problemas do país. Principalmente na política. É nessa época que mais se vê deputado guardando dinheiro na bolsa, pedindo aumento de salário. 
O povo que gosta mete a cara na televisão e só procura a bola rolando.
Quem não topa se envolver na World Cup evita até mesmo sentar na frente da telinha.
Ao menos isso eu pude concluir. Diferentemente da Copa de 2006 onde eu só queria festejar...
Me lembro perfeitamente: Aos 15 anos, recém solteira e cheia de gatinhos para escolher eu só pensava em assistir ao jogo, pular, gritar com a televisão da casa do Baketa, ir comemorar cada gol na praça do Vale do Sol com os meninos e vetar cada um deles que vinham até mim tentando alguma coisa. Eu só pensava no jogo, no Kaká, no Diego, no Robinho e na liberdade que eu havia acabado de adquirir !
O tempo passou, eu mudei um pouco, tenho minhas responsabilidades e não mais todo aquele ânimo.
Mas mesmo assim eu quero pular, torcer, sofrer e acreditar, MESMO, que o Brasil tem chances de derrotar Portugal ( e o Cristiano Ronaldo :P ) na sexta feira sem o ABENÇOADÍSSIMO Kaká. Eu só preciso de uma dose de verde-amarelo no rosto, uma vuvuzela qualquer e deixar meus 'pepinos' pro final do jogo.
E quem sabe até poder dizer que fiz parte da torcida quando o Brasil conseguiu ser Hexacampeão.


21 de jun de 2010

0 comentários Links para esta postagem
"Ela sempre fez o que quis. Mas não com... Com agressividade, entende? Quero dizer, ela está sempre tão dentro dela mesma que qualquer coisa que faça não é nem certa nem errada. É simplesmente o que ela podia fazer."

18 de jun de 2010

Poesia da Dança

0 comentários Links para esta postagem
''Louvada seja a dança 
Porque ela liberta o homem do peso das coisas materiais
E une os solitários para formar sociedade
Louvada seja a dança que tudo exige e fortalece a saude
Uma mente serena e alma encantada
A dança significa transformar o espaço, o tempo e o homem
Que sempre corre perigo de se perder/ser somente cérebro, vontade ou só sentimento
A dança exige o ser humano inteiro, ancorado no seu centro
Que não conhece a vontade de dominar a gente e coisas
E que não sente a obsessão de estar perdido no seu próprio ego
A dança exige o homem livre e aberto, vibrando na harmonia de todas as forças
Ó homem, ó mulher, aprenda a dançar senão os anjos do céu não saberão o que fazer contigo''

17 de jun de 2010

0 comentários Links para esta postagem

 É diferente fazer tudo diferente do jeito que você está acostumado.
Você sempre acorda do mesmo jeito pensando a mesma coisa sobre algo.
Assume uma opinião e acha que se você mudá-la demonstrará fraqueza de caráter...
Eu descobri que não. Que não tem nada ver.
Mudar de opinião é tão importante quanto ter uma.
Assumir que seus conceitos sobre um determinado assunto é relativo, te torna alguém pensante e disposto a aceitar novos costumes...
Eu mudei meu jeito de pensar e com isso ganhei novas maneiras de reagir.

16 de jun de 2010

Pensei e concordei:

0 comentários Links para esta postagem
Chamar alguem de feio não te deixa mais bonito. Ficar sem comer não te deixa um palito. Excluir uma pessoa não te torna mais popular, não são as marcas que vão te rotular. Chamar alguém de gordo não te emagrece, dizer que uma pessoa é triste não traz felicidade. Falar que alguém é fraco não te fortalece, dizer que uma pessoa é metida não te traz a humildade. Falar que alguém é insignificante não te engrandece, dizer que uma pessoa é falsa não te leva à verdade. Dinheiro não compra felicidade. Conhecer muita gente não é o mesmo que ter amigos, ser famoso é diferente de ser querido, sexy não é o mesmo que vulgar, atração é diferente de amar.

12 de jun de 2010

Frustrante

0 comentários Links para esta postagem
Frustração é uma emoção que ocorre nas situações onde algo obstrui o alcance dum almejo pessoal. Quanto mais importante for o objetivo, maior será a frustração. É comparável à raiva.


Meu Dia dos Namorados foi lindo.
Eu só não gostei das partes em que a comemoração não se destacou.
Maldita TPM.

7 de jun de 2010

Amigo que é amigo faz da distância poesia...'

0 comentários Links para esta postagem
Eu te amo, desde quando percebi que o seu coração conseguia ser ainda maior que seu sorriso.Desde quando notei que antes de pensar em você, você se preocupada com o meu bem estar...
E eu sinto falta de te ter comigo, todos os dias, pela manhã, pelas praças...
Eu sinto falta de colocar apelidos nos outros na hora do intervalo, de dividir meu salgado com você. Sinto falta de ouvir vc me xingando pra ver ser eu aprendia matemática e eu implorando pra vc entender o que era ser um '' carbono tetravalente''...
Eu sinto falta de ouvir seus desamores e amores platônicos. De brigar com você e no final te apoiar pela sua decisão.
Eu sinto falta de ter você como vizinha...
Mas eu sei que tudo o que passamos não deixará que essa saudade nos mate.
''Amigo que é amigo faz da distância poesia...''
Eu amo você

Sou eu quem importa.

0 comentários Links para esta postagem
Eu não me importo com o que os outros pensam sobre o que eu faço, mas eu me importo muito com o que eu penso sobre o que eu faço. Isso é caráter.

Provas...

0 comentários Links para esta postagem
"Sou pessoa de dentro pra fora. Minha beleza está na minha essência e no meu caráter. Acredito em sonhos, não em utopia. Mas quando sonho, sonho alto. Estou aqui é pra viver, cair, aprender, levantar e seguir em frente.
Sou isso hoje...
Amanhã, já me reinventei.
Reinvento-me sempre que a vida pede um pouco mais de mim.
Sou complexa, sou mistura, sou mulher com cara de menina... E vice-versa. Me perco, me procuro e me acho. E quando necessário, enlouqueço e deixo rolar...
Não me dôo pela metade, não sou tua meio amiga nem teu quase amor. Ou sou tudo ou sou nada. Não suporto meio termos. Sou boba, mas não sou burra. Ingênua, mas não santa. Sou pessoa de riso fácil...e choro também!"

1 de jun de 2010

0 comentários Links para esta postagem


Tem coisa mais doce
Que alguém te cativando o tempo todo?
Ir minando aos poucos
Sua defesa própria
Tem coisa mais forte
Que alguém te invadindo aos poucos?
Compartilhando até dos mais íntimos segredos
Mesmo sem querer
A gente tende a se render
Quantas vidas, quantos becos e saídas
Vão aparecer?
Minha nave flutuava
No espaço sem porquê
E uma força inexplicável
Me levou até você
Tem coisa mais quente
Que alguém te protegendo o tempo todo?
Te mostrando os mapas de um dia a dia lindo
Tem coisa mais clara
Que alguém te observando o tempo todo?
Enxergando até a fonte de um sentimento infindo

Idéia de Amor. - Clarissa Corrêa

0 comentários Links para esta postagem
Acordei hoje com muita vontade de ler... Acabei lembrando de alguns textos que me marcaram muito.
Não que eu concorde com tudo o que está escrito mas que de certa forma, cada pensamento do escritor - nesse caso escritora-, consegue falar por mim.

''...
O amor é engraçado. Você, que ama, sabe disso. Você, que ainda não ama e está super querendo, saberá. Tirando aquele bababá romanticamente meloso e gostoso, o amor é prova de fogo. Ele nos testa diariamente. A outra pessoa, como o nome já diz, é uma pessoa. Se veste com qualidades, mas usa inúmeros defeitos como acessórios diários. Você os vê todos os dias. E gosta. O outro pode roncar, deixar a torneira aberta, esquecer a hora, perder o rumo. Mas você fica, tem algo muito maior do que você e o outro que grita é-preciso-ficar. Questão de necessidade misturada com vontade. Porque quando você ama sente necessidade da outra pessoa. Não por dependência, carência e outras ências. Mas porque é bom estar ali, com o corpo junto, coração do lado, ouvindo a respiração naquele baile pé-pra-cá-pé-pra-lá. Você se sente de casa, abre a geladeira, coloca os pés em cima do sofá, você se sente renascido dentro daquele sentimento.

Logo no começo o universo é de descobertas. O jeito como se move, fala, pensa, age. Opiniões, coisas da infância, traumas, desejos. Descoberta é encanto. É querer mais e mais, beira o vício. Só que o tempo passa, a novidade vira rotina. Acho que é logo aí que surge uma esquina: você segue em frente ou dobra na próxima rua. Se você quer ficar é porque não encara a rotina como rotina. As pessoas acham rotina ruim, eu não. E digo que é rotina o seguinte: você saber que depois do trabalho vai encontrar o seu amor. Ter a certeza que nos domingos vocês almoçam na casa dos pais dele. Que no sábado à noite vocês saem com aquele grupo de amigos. Isso é rotina, é programação, planejamento a dois. É saber que todas as noites vai deitar ao lado daquela pessoa. Ela vai puxar o cobertor, se mexer, não se mexer, roncar, não roncar. Vai ser ela mesma. E isso basta para você. Mais: você deseja imensamente por isso, gosta, quer. Isso é rotina, é você saber que todos os dias vai sentir aquele cheiro, porque por mais que a pessoa use perfume, shampoo, desodorante, sabonete, ela tem o cheiro dela. E é aquele cheiro que te prende, delicia, tem gosto de vida. Isso é seguir em frente. Quando a tal "rotina" é cansativa e cheia de interrogações você dobra na primeira rua, quer se livrar daquilo.

O mesmo ocorre com os problemas. Adivinha por qual motivo as relações não dão certo atualmente? No primeiro probleminha "vamos acabar". Na primeira discussão, briga, desavença, atrito "vamos terminar, a gente não dá certo". Problemas sempre terão. O problema do problema é como você o encara. Você quer passar pelo problema ou quer apenas se livrar dele? Você quer continuar conhecendo quem está ao seu lado? 

Dia doze de junho está quase aí. Preciso dizer que o dia dos namorados no ano passado foi uma delícia. Lindo, inesquecível, vou lembrar para sempre. E espero que em 2049 ele seja melhor ainda. Mesmo que você continue com essa preguicite aguda todas as manhãs. 

Amar é entender as diferenças. E amá-las mesmo assim. ''



 

Jesuéllem Cardoso Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei