16 de nov de 2010

Essa não é mais uma carta de amor, são pensamentos soltos, traduzidos em palavras.
Prá que você possa entender o que eu também não entendo...


Amar não é ter que ter sempre certeza.
É aceitar que ninguém é perfeito prá ninguém.
É poder ser você mesmo e não precisar fingir.
É tentar esquecer e não conseguir fugir, fugir...



Já pensei em te largar.
Já olhei tantas vezes pro lado.
Mas quando penso em alguém, é por você que fecho os olhos.
Sei que nunca fui perfeito, mas com você eu posso ser até eu mesmo que você vai entender...



Posso brincar de descobrir desenho em nuvens.
Posso contar meus pesadelos e até minhas coisas fúteis.
Posso tirar a tua roupa posso fazer o que eu quiser.*
Posso perder o juízo, mas com você eu tô tranquila, tranquila...



Agora o que vamos fazer?
Eu também não sei!Afinal, será que amar é mesmo tudo?
Se isso não é amor, o que mais pode ser?
Tô aprendendo também...




4 comentários:

Leticia Trócilo on 11/16/2010 6:54 PM disse...

liiinda foto.

Anônimo disse...

vocês dois sao lindos juntos!
foram feitos um para o outro

desejo trinta filhos e muitas felicidades

Beijos

Roberta Lima on 11/17/2010 12:36 PM disse...

lindos!
Deus abençõe vcs!

Jackeline Tardin on 12/01/2010 6:01 AM disse...

Trinta filhos? :O ' kkk

Postar um comentário

Muito bom saber sua opinião, obrigada.

 

Jesuéllem Cardoso Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei