16 de mar de 2011

O único abraço.

Foi com esse abraço que ele me ganhou.
Lembro como se fosse hoje...




''Eu nervosa, com medo do que poderia acontecer, andando em passos largos, falando alto e totalmente desconcertada, na tentativa de tirar aquele clima de romance do ar. E ele lá.. aparentemente calmo e com cara de quem estava tramando algo; Com um 'sorriso nos olhos' e refletindo nos lábios a certeza de que eu já seria dele. Totalmente oposto... passos lentos, racional, sádico e sempre tentando colocar suas mãos em meu ombro, procurando me acalmar e me 'convencer' de que eu precisava parar e me entregar...
Em meio àquela guerra toda, entre tantos contrastes agiu bruscamente. Em um segundo fui mobilizada!
Quando me dei conta, ele estava em minha frente, me segurando pelo braço. Foi um grito de 'STOP' que eu jamais vou esquecer...
De repente, silêncio. Engoli todo aquele nervosismo e só tinha forças para desviar o olhar...
Foi quando senti sua mão direita em minhas costas e a esquerda em meu rosto, tentando pegar minha nuca. Mas eu só sabia dizer não!  Mas não era um NÃO. Era um 'não..' com gosto de ''sim...SIM.''
O primeiro abraço, com o corpo todo. Me senti envolvida da cabeça aos pés. Nosso primeiro abraço.
Meu coração disparou e a voz dele fazia eco dentro de mim.
(...)
O beijei por inteiro... Com meus olhos, ao sentir seu cheiro, ao tocá-lo, ao ouvir a respiração dele deixando de ser afobada e se tornando suspiros...
A partir daquele momento, me senti dentro dele e ele passou a estar dentro de mim."

Que abraço composto é esse que ele carrega? Demorado, gostoso, confortável. Abraço que envolve, que acalma, que beija.
Abraço que teima em tirar minha pose de 'mulher independente' para me tornar uma criança, medrosa, que encontra segurança entre esses braços.  Quem vê de fora, só enxerga o sorriso bobo no meu rosto. Sorriso que transmite a paz e a segurança desse abraço, que só ele tem.

2 comentários:

Yann Lombardi on 3/16/2011 7:28 AM disse...

Cassilds,chorei seu bebêêÊ!
Você tem meu abraço a hora que precisar,sabe disso.
Deu uma cocerinha,sabe? lembrei de tudo lendo,muito bom! :DDDDDD
Te amo.

jee.cardooso on 3/16/2011 7:36 AM disse...

Lindo. ;)
te amo.

Postar um comentário

Muito bom saber sua opinião, obrigada.

 

Jesuéllem Cardoso Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei