26 de out de 2011

''Desculpa aí sociedade, eu prefiro seguir Jesus!''

O crente indeciso não sabe o que realmente quer: “ser ou não ser” continua sendo a questão... Ele deseja o melhor de Deus e do mundo ao mesmo tempo, como se isso fosse possível; deseja servir a Deus, mas é hesitante; torna-se membro da Igreja, mas não se dispõe a servir a Deus de todo o coração. Vemos hoje muitos cristãos indecisos, porque não aprendem com o Mestre Jesus; não são valentes no Senhor e não buscam uma experiência mais profunda com Deus.
O cristão indefinido é aquele não é quente, nem frio, ou seja, não abandona a “fé”, mas também não se compromete totalmente com Deus e Sua Igreja. Ele se contenta em ter seu nome no rol de membros, congrega quando tem vontade, porém sem maiores envolvimentos; quer algumas vezes ouvir o Evangelho, mas não quer que o Poder de Deus transforme sua vida. O indefinido não tem posicionamento claro. Uma vida espiritual indefinida, de meio termo, é perigosa, porque atrai o juízo de Deus: “Estou a ponto de vomitar-te de minha boca”.




E, CERTAMENTE:  Não julgueis, pois, para não serdes julgados; porque com o juízo que julgardes os outros, sereis julgados; e com a medida com que medirdes, vos medirão também a vós. (Mateus, VII: 1-2).


A JUSTIÇA DE DEUS É INFALÍVEL.





0 comentários:

Postar um comentário

Muito bom saber sua opinião, obrigada.

 

Jesuéllem Cardoso Copyright © 2010 Design by Ipietoon Blogger Template Graphic from Enakei